Outlander - A viajante do tempo (resenha)


Outlander - A viajante do tempo

Outlander, A viajante do tempo, Diana Gabaldon
Resenha:
Se tivesse que descrever este livro numa única palavra seria: SENSACIONAL.
Isto mesmo, em maiúsculas gritantes.
Gritando, de preferência, nos campos escoceses de 1743, nas Terras Altas, as Highlands.
Quando este livro chegou em casa, fiquei espantada e com medo de ter que enfrentar suas 800 páginas, sério, 800!!
Meu pânico só aumentou quando comecei a ler e não gostei das primeiras 50 páginas.
Me perguntava: como vou ler tudo isto?
Mas como não sou de abandonar livro nenhum, continuei, até mesmo por só ter lido referências boas de Outlander - A viajante do tempo.


O livro é narrado por Claire, uma inglesa de 27 anos, que depois de servir como enfermeira na 2ª Guerra Mundial, vai com seu marido Frank passar uma 2ª lua de mel na Escócia.
Fica claro que eles se amam, mas trata-se de um casal morno, ele, um professor universitário, que aproveita a viagem para estudar seus antepassados.
Enquanto Frank investiga sua árvore genealógica, Claire aproveita para conhecer a flora local. Em uma de suas explorações ela encontra um círculo de pedras e ao tocá-las é transportada à Escócia do século XVIII.
Foi neste momento do livro que a leitura passou a ser mega-ultra-super interessante.
Claire entra em conflito com soldados ingleses e, posteriormente, é acolhida pelo clã Mackenzie, do lado escocês, porém, paira sobre ela a dúvida de que seja uma espiã inglesa.
Nesta parte da história, Claire vive em constante aventura e muito perigo, além de ser obrigada a se casar com Jamie Fraser, por quem acaba se envolvendo profundamente.


Outlander, A viajante do tempo, Diana Gabaldon

Claire é a grande heroína de Outlander - A viajante do tempo, uma mulher forte, inteligente, decidida, tão decidida que as vezes se mete em confusão por conta de sua personalidade. 
Apesar de ter sua origem numa época com mais comodidade, ela não recua, nem reclama, nas adversidades que encontra em 1743.


Outlander, A viajante do tempo, Diana Gabaldon


Jamie Fraser (ai, ai, suspiros, muitos suspiros), tai um personagem que vai se mostrando aos poucos. Tanto sua história, quanto sua personalidade e inteligência, nos são reveladas em doses homeopáticas.
A princípio é mais um que segue Dougal Mackenzie (líder guerreiro do clã), é tipo um "faz tudo" e no castelo de Colum Mackenzie (líder político do clã), trabalha na estrebaria, ou seja, cuida dos cavalos.
Mas Jamie nos conquista devagar, assim como fez com Claire.
É um personagem espirituoso, com suas falas bem humoradas, inteligente, sensível, de raciocínio rápido, perspicaz, corajoso, arrojado. Ele vai surpreender em muitas passagens.
É encantador o envolvimento entre Jamie e Claire, apesar de terem começado de um jeito meio torto, a química entre os dois é muito forte.


Outlander é, realmente, uma viagem no tempo. Uma aventura fantástica, que mistura muito bem os mitos e lendas da Escócia. Se este livro fosse um filme, diria que a fotografia é linda. Diana Gabaldon descreve de um jeito bem realista e com muitas minúcias a região das Terras Altas, a fauna, a flora, a geografia e os costumes são descritos com bastante detalhes.
Sua escrita é envolvente, discorre sobre os mais variados assuntos, dentro da trama, mas sem cair na mesmice. Não é de repetir falas ou descrições. Ela nos surpreende a cada parágrafo, a cada capítulo.
Tive um sentimento curioso e contraditório com este livro, pois quando vi suas 800 páginas pensei: vou ter que ler tudo isto!
Mas depois de algumas páginas eu já pensava: que pena que só tem 800 páginas.


Para quem não sabe, Outlander virou série de TV e já estreou nos EUA e aqui pode ser visto on line, em sites sobre filmes e séries.
As imagens de Claire e Jamie, acima, já são dos atores que interpretam seus personagens na série. Achei a escolha perfeita, era bem o que eu imaginava e que está descrito no livro. 


Outlander, A viajante do tempo, Diana Gabaldon

Minha única ressalva quanto a escolha dos atores, foi com relação a Dougal Mackenzie. No meu imaginário ele era bem parecido com Viggo Mortensen, no seu personagem em O Senhor dos anéis.

Vale muito ler Outlander, não vão se arrepender.  


Outlander, A viajante do tempo, Diana Gabaldon
Título: Outlander - A viajante do tempo
Autora: Diana Gabaldon
Páginas: 800
Assunto: Viagens no tempo/Ficção histórica/Ficção americana
Editora Saída de Emergência





Beijos!!

9 comentários:

Lu Vilela postou o comentário número:

Oi Neli boa noite!
Sua resenha foi perfeita me deixou doida pra ler.
É uma estória apaixonante e o que deixa a gente mais feliz é que é uma coleção, então vai render muitos suspiros pelo Jamie Fraser <3
Bjs Lu

Chris Ferreira postou o comentário número:

OI Neli, gostei da dica. Vou falar pra Ana Luiza, ela adora ver séries e acho que vai gostar dessa viagem no tempo cheia de aventuras.
beijos
Chris
Inventando com a Mamãe

Edna postou o comentário número:

Neli suas resenhas são muito boas
nos deixa com vontade de saber tudimmmmmm..que delicia..adoro historias com mulheres fortes. que vão a luta....

bjs. Edna

Adriana Balreira postou o comentário número:

Neli,
Agora fiquei com vontade de ler esse livro! E olha, 800 páginas!! Eita! Mas gostei do que vc escreveu na sua resenha, me deixou com muita curiosidade! Interessante!
Beijos
Adriana

Cris postou o comentário número:

Neli:

Já li todos os livros dessa série publicados aqui no Brasil. São fantásticos!

Bjs,

Cris

Nana postou o comentário número:

Oi Neli, estou lendo a continuação do livro, A libélula no Âmbar, tu vai se surpreender, apesar de ser mais parado. O livro começa ela de volta ao seu tempo e tu fica com cara de oi, mas é bacana, vale a pena hehe

Bjss Guriaaaa

Nana

Simone Felic postou o comentário número:

É um livro emocionante , a resenha deixou água na boca , uma história surreal.
bjs
http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

Lia Gloria postou o comentário número:

Quero ler!!! Apaixonada pela história!
800 páginas? Fala sério, Neli... rs
Nem vou tentar assistir a série antes, senão depois perco o interesse.

bjs

Licia Dutra postou o comentário número:

Adoro livro assim e 800 páginas em um livro bom é muito pouco.Bjss.