Brinquedo de menina - parte 2


Se tem uma coisa que eu reconheço e agradeço a Deus, é por ter nascido numa época e num lugar onde a mulher tem mais liberdade, podendo valer sua vontade.
Sei que isto ainda não é perfeito, mas as coisas evoluíram muito nos últimos anos.

Brinquedo de menina


Melhor dizendo, nasci numa época que brinquedo de menina era boneca, brincar de casinha e eu abominava estas brincadeiras, e minha aversão por brincadeiras de meninas em nada interferiram na minha vida adulta, pois curto demais a minha casa, minha família, gosto de assuntos de "mulherzinha", prova disto é meu blog e meus posts que relatam minha vida e meu cotidiano.
Ainda bem que nasci numa família que sempre respeitou meus gostos e nunca me azucrinaram por não gostar de brincar de boneca. Como já disse num outro post, acho que me guardei pra brincar com uma boneca de verdade que hoje é um dos meus grandes tesouros.

Brinquedo de menina


E é através da minha filha que eu me realizo comprando os brinquedos que não tinham na minha infância ou que tinham, mas não na versão feminina.
Finalmente ela quis um carrinho de controle remoto, e eu, lógico, comprei com muito gosto.

Veja também:

Beijos !!


9 comentários:

Lu Vilela postou o comentário número:

Oi Neli,boa noite!!
Gente que fofura essa moto de controle remoto!!!
Mas sabe que quando eu vi a foto eu achei que era daquelas moto eletricas e já fiquei imaginando a Yasmin linda e absoluta andando nela rs.
Bj Lu

Adriana Balreira postou o comentário número:

Neli,
Também nasci na época que só brincava de casinha, bonecas e coisinhas de cozinha! Eu adorava, não me arrependo de como eu brinquei até os meus 14 anos! Pode isso!! Mas é bem legal mesmo que hj em dia as crianças possam brincar de tudo! E não só coisas de meninas e meninos
Adorei essa motoca!
Beijos
adriana

Janaína Campos postou o comentário número:

Neli,
gostei da proposta do post, nos levar a refletir sobre a questão de gênero.
O presente da sua filha é uma graça ;)
O bacana é o respeito pela individualidade das pessoas. Pessoalmente amava brincar de boneca e brincadeiras "ditas" de meninos.
O que vale é ser feliz ;)
Beijooooooos =)
A Casa da Mãe Jana

RENATA REIS postou o comentário número:

OI LINDONA, EU TENHO O JOELHO MARCADO ATÉ HOJE DAS "RALADAS" DO PATINETE E DAS CORRERIAS COM AS BRINCADEIRAS DE PEGA-PEGA, ESCONDE-ESCONDE, BJS!

Pepa postou o comentário número:

Oi Neli, é a Vi, aqui a gente não tinha muito acesso a brinquedos comprados, isso só no natal, e tínhamos que pedir algo que coubesse no bolso do meu pai (mãe)..kkkkkk
Então criávamos nossos brinquedos e brincadeiras.
Quando reuníamos todos os primos, brincávamos de pega-pega, cobra- cega, esconde-esconde..
Muitos beijos,Vi

ღღღღ Cici ღღღღ postou o comentário número:

Aih, que fofura!!
Sabe que eu tinha uma coleção de carrinhos, bolinhas de gude e fazia as minhas próprias pipas? Pois é. Te entendo... kkkkkkkk!
Bjns
:)

Mª Fátima postou o comentário número:

Oi Neli, gostei do assunto abordado no post, acho que as crianças devem ser respeitadas nos seus gostos por brinquedos. Amei o brinquedo da sua filhota, ainda não havia visto esse tipo de brinquedo com controle remoto. Show! Tenho certeza que ela vai curtir bastante e você também ao ver a felicidade dela. Bjs e ótima quinta-feira.

Simone Felic postou o comentário número:

E que bom que nossa época é mais livre , tem brinquedos que nem sonhava que ia existira para meninas.
bjs
http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

Lia Gloria postou o comentário número:

Como temos histórias parecidas!
Eu também era um 'machinho' na infância e adolescência. O tempo todo na rua kkkk
Empinando pipa, jogava futebol, bola de gude! kkkkk
E hoje em dia, amo brincar de casinha!

Olha esse brinquedo! Que fofura master!

Tens razão, amiga, estamos muito bem hoje em dia. Digo, nós mulheres. São tantas conquistas \o

bjs