Tudo sobre a Dieta Detox para Emagrecer!


Tudo sobre a Dieta Detox para Emagrecer!

Hoje publico um guest post sobre Dieta Detox, para que você tire suas dúvidas. A criadora do famoso Plano Detox, a Rosi Feliciano nos fala e explica detalhes dessa dieta mais que eficiente.
E uma das dicas mais legais é fazer a dieta agora no inicio do ano, porque além de limpar o corpo após o período de festas, a dieta promove o emagrecimento mais eficaz no conjunto de ações para emagrecer. Então leia tudo para começar agora a ter mais saúde e peso ideal.

Porque fazer a Dieta Detox?
Uma dieta desequilibrada e maus hábitos provocam a acúmulo de vários compostos nocivos no corpo.
Dieta de desintoxicação é uma dieta projetada especificamente para desintoxicar e curar o sistema digestivo, normalizar a pressão sanguínea, eliminar o excesso de colesterol. Além disso, promove a perda de peso natural e ajuda a se livrar da celulite.

Muitas pessoas não sabem, mas fazer uma desintoxicação através da alimentação é uma das melhores formas de manter o organismo mais resistente e saudável, uma ótima opção é o cardapio detox simples barato.
O ideal é fazer 6 refeições por dia e se você não pode ter um alimento natural da dieta detox disponível outra ótima opção é o suplemento natural detox em cápsulas.

Princípios da dieta detox

A duração dessa dieta é geralmente 3-5 dias, se desejar, você pode aumentar este número para 10 dias (não mais que isso) para purificar ainda mais o sangue e linfa.

Dieta Detox é baseada nas seguintes regras:

Aproximadamente 30 dias antes do início deve fazer preparação no seu corpo.
Reduzir gradualmente a quantidade de alimentos gordurosos e alimentos ricos em carboidratos, durante os 10 dias antes da dieta devem ser completamente excluídos de sua alimentação e incluir, aves, peixe, apostar em vegetais e legumes.
- Usar sal e temperos de forma consciente.
- Todas as manhãs com o estômago vazio deve beber um copo de água morna com uma colher de sopa de suco de limão fresco para o estômago e intestinos se sentirem bem logo ao acordar.
- A última refeição deve ser o mais tardar às 20 horas.
- Deve beber muita água - pelo menos 1,5 litros.
- Ir dormir de preferência antes da meia-noite.
- Controle o seu estado emocional, a fim de evitar situações de estresse e estímulos.
O último ponto é muito importante, porque o sistema digestivo é bastante sensível a alterações de humor e fortes emoções podem trazer problemas.
Produtos autorizados na dieta são todos os grãos e cereais, legumes, nozes, frutas, bebidas naturais, gérmen de trigo, ovos, brotos verdes.

É recomendado comer brócolis, couve, beterrabas, cenouras, alcachofras, pimentas e espargos. Dentre as frutas, é desejável dar preferência a maçãs, uvas, bananas, frutas cítricas e ameixas.

A proibição categórica se aplica a todas as farinhas, produtos doces, café, chá preto, álcool e gordura animal.

Dieta Detox por uma semana - Cardápio

Um ponto importante: se a duração da limpeza do corpo é mais do que 5 dias, você precisa de um tempo para incluir na dieta, peixe ou aves, para garantir a ingestão de proteína normal.

Tudo sobre a Dieta Detox para Emagrecer!
Segunda-feira
Café da manhã: uma fatia de pão integral, meio abacate, gengibre e um copo de chá.

Almoço: 200 gramas de mingau de arroz com a adição de quaisquer legumes e verduras cozidas.

Lanche: uma maçã assada ou uma banana madura.

Jantar: 180 g de mistura de vegetais, 2 ovos (cozidos).

Antes de ir para a cama: um copo de ameixas.

Terça-feira
Café da manhã: uma fatia de pão com um prato de salada com legumes frescos, azeite, uma xícara de chá de folhas de hortelã com uma fatia de limão.

Almoço: 300 ml de sopa, purê de legumes.

Lanche: uma laranja.

Jantar: 200 g de salada de legumes com ervas, 50 g de queijo de cabra, 1 ovo cozido.

Antes de ir para a cama: um copo de damascos secos e ameixas secas.

Quarta-feira
Café da manhã: 200 g de queijo cottage (sem gordura), uma maçã, copo de chá de camomila.

Almoço: 300 ml sopa de legumes.

Lanche: 2 kiwis.

Jantar: 200 g de peixe cozido, prato de salada vegetal.

Antes de ir para a cama: 150 ml compota ou geleia de ameixas.

Quinta-feira
Café da manhã: 100 g de salada de frutas, um punhado de nozes, amêndoas, de preferência uma xícara de chá com gengibre e limão.

Almoço: 250 ml de sopa, purê de legumes.

Lanche: uma laranja.

Jantar: prato de salada de legumes com óleo vegetal, uma fatia de pão de farinha de trigo integral, 1 ovo.

Antes de ir para a cama: um copo de água morna, 2 pedaços de damascos secos.

Sexta-feira
Café da manhã: salada com pepino fresco, queijo cottage baixo teor de gordura e ervas, copo de chá de camomila.

Almoço: 300 ml sopa de abóbora, cenoura e pimentão.

Lanche: um copo de smoothies maçã, banana e kiwi.

Jantar: 400 g de mistura de vegetais.

Antes de ir para a cama: 200 ml compota ou geleia de ameixas.

Sábado
Café da manhã: uma fatia de pão de trigo integral, metade de um tomate e abacate, cenoura e um copo de suco de maçã.

Almoço: 300 ml sopa em caldo de legumes.

Lanche: 6-8 amêndoas.

Jantar: 200 gramas de salada de repolho fresco, pepino e maçãs verdes raladas, 2 ovos.

Antes de ir para a cama: um copo de ameixas secas.

Domingo
Café da manhã: um prato de salada com cenoura, nozes, passas e maçã com uma colher de chá de mel, copo de chá de gengibre.

Almoço: 300 ml de sopa de brócolos, couve-flor e rúcula.

Lanche: uma banana madura.

Jantar: 350g de couve-flor fervida com ervilhas verdes e cenouras.

Antes de ir para a cama: 200 ml compota ou geleia de ameixas.

Nota: raiz de gengibre contribui para a rápida purificação da linfa e do sangue de toxinas e radicais livres. Portanto chá com este produto é útil, por isso beba pelo menos uma vez ao dia.

Beijos!!

As escolhas que a gente faz

As escolhas que a gente faz
Avenida próxima à minha casa

Na virada do ano de 1998 para o ano de 1999, como era costume, eu e, na época, namorado fomos para o litoral paulista com uma turma de amigos. Em um trajeto que levaria 1h30min, nós levamos 7:00hs para percorrer 110 km.
Eu jurei que NUNCA mais iria para a praia em feriadão. Então no feirado seguinte, Carnaval, fomos para a casa dos tios desse meu namorado, no interior de São Paulo, a 480 km da Capital.

Já conhecia a cidade e muito me interessou as casas com boa metragem e valores pela metade do preço praticado em São Paulo ou Guarulhos, onde eu morava.
Passados 2 meses, com um incentivo dos tios, resolvemos pedir transferência do nosso serviço para o interior.

Financiamos uma casa, que hoje já está quitada. Marquei meu casamento assim que saiu a nossa transferência, nos mudamos e depois só voltamos para Guarulhos para nos casarmos.

Foi uma decisão muito repentina, mas não foi sem pensar.
O que nos levou a tal atitude?
Pensar na qualidade de vida que iríamos ganhar.

Deixamos na Capital nossos pais, irmãs, irmão. Foi difícil deixá-los, mas por outro lado, nossa vida de casado começou somente com nós dois, sem interferência de mãe ou sogra.
E vejam como são as coisas...anos depois, da minha parte, pai, mãe, irmãs e sobrinho se foram, isso mesmo, estão no plano superior, ou seja, hoje em São Paulo eu não teria mais esta base familiar.
Da parte do meu marido, seus pais ainda moram lá e nos visitam em todos os feriados, também conseguimos inspirar meu cunhado e sua esposa para virem para a nossa cidade. 
Aqui temos tios e primos e fizemos muitos amigos.


As escolhas que a gente faz
Local onde costumo caminhar

Certa vez, ainda solteira, comentei que queria um dia morar no interior e sabe o que ouvi do namorado: "E o que vou fazer domingo a tarde? Assistir Silvio Santos?"
Ledo engano, aqui temos tantas atividades, tantos compromissos, acho que em São Paulo é que talvez ficássemos mais confinados em um apartamento.

Da nossa casa ao trabalho, são de 3 a 5 minutos de carro. Levamos e buscamos nossos filhos na escola, almoçamos em casa.
Eu me recuso a dizer a frase "eu não tenho tempo", posso não ter vontade ou disposição, mas tempo eu não tinha quando morava em Guarulhos e trabalhava em São Paulo e ficava 3 horas no trânsito, 1h30min para ir e outra 1h30min para voltar, isto quando não tinha enchente na Marginal do Tietê.

As escolhas que a gente faz
Rio Tietê

Não estou cuspindo no prato que comi, eu amo São Paulo, sua diversidade, as oportunidades, mas estou bem aqui numa cidade com 35.000 habitantes, acho que ela tá grande demais, gostaria que fosse menorzinha.
Tá certo que para ir ao cinema tenho que me deslocar para a cidade grande mais próxima, São José do Rio Preto, que fica a 48 km. Aqui também não tem livraria , que para mim, faz falta, mas eu me viro on-line, porém aqui, o Rio Tietê é limpo, navegável e é possível pescar!

Então, sou muitíssimo grata por ter escolhido vir para o interior, onde reconheço todos os dias, que tenho uma vida melhor em qualidade, com tempo disponível, mais próxima dos meus filhos, parentes e amigos.

Está postagem participa da Blogagem Coletiva #52Semanasdegratidão, organizada pela Elaine Gaspareto.

Calma que tem sorteio!
No meu Instragem @caprichos_by_neli
Vai lá e participa!


Beijos!!

As Cordas mágicas - Resenha


As cordas mágicas, Mitch Albom
As cordas mágicas
Mitch Albom


Sinopse: Francisco Presto nasceu numa pequena cidade da Espanha em plena guerra civil. Com a infância marcada por tragédias, Frankie se torna pupilo de um professor de música cego, que se dedica a lhe ensinar tudo o que sabe.
Ao completar 9 anos, ele foge para os Estados Unidos carregando consigo apenas seus bens mais preciosos: um violão e seis cordas mágicas.

Com um talento fora do comum para tocar e cantar, Frankie rapidamente alcança o estrelato e influencia o cenário musical do século XX, apresentando-se ao lado de nomes consagrados como Elvis Presley e Little Richards.

No entanto, seu dom se transforma em um terrível fardo quando ele percebe que pode afetar o futuro das pessoas: uma corda de seu violão fica azul cada vez que uma vida é alterada.
No auge do sucesso, assombrado por seus erros e por seu estranho poder, Frankie sai de cena por anos, apenas para ressurgir para um espetacular e misterioso adeus.

Resenha: 
Por que eu quis ler este livro?
Por pura curiosidade. 
A sinopse me conquistou, ainda tinha o fato de misturar ficção com realidade, tipo Forrest Gump. 
Não sabia o que esperar, mas eu tinha que matar a minha curiosidade.

Este livro já começa no funeral de Frankie Presto...calma não é spoiler, é a primeira frase do livro..."Vim buscar meu prêmio. Ele está ali dentro do caixão." 
O livro é narrado em 3ª pessoa. 
E quem é esta 3ª pessoa?
A Música. Sim, As cordas mágicas é contada pela Música.

"Eu tenho o poder de fazer você recordar-se das coisas. Absorvo suas memórias; quando me ouve, você revive as lembranças. Uma primeira dança. Um casamento. A canção que tocava quando você recebeu uma grande notícia. Nenhum outro talento proporciona uma trilha sonora para a sua vida. Sou a Música. Marco o tempo." Pag. 261

Mais um ponto positivo para este maravilhoso livro, pois a partir desta ilustre narradora tudo se torna mais poético, mesmo nos trechos mais tristes e sinistros ela sempre deixa uma pitada de graça.
Nesta ficção não teremos uma história rigorosamente linear, mas seremos apresentados ao início, meio e fim da vida de Frankie Presto de uma maneira bem fácil de entender.

Acompanharemos o nascimento de Frankie, inclusive um período anterior a este fato, o despertar de seu talento musical no violão, sua infância relativamente tranquila até os 9 anos, quando é mandado para a América em virtude da guerra civil espanhola. A partir dai ele vai enfrentar tantas adversidades, muita gente irá ajudá-lo, mas nem por isto ele será poupado das dificuldades apresentadas pela vida.

Frankie vai conhecer o amor ainda na infância e este amor será maior do que aquele que sente pela música, um amor que o acompanhará, de um jeito ou de outro, pela vida toda, muito lindo.

"Mas eu vi outra coisa. Vi um garoto quase curvando as cordas na direção de uma garota. Foi a primeira vez que Frankie Presto tentou oferecer sua música para outra pessoa.
E foi assim que eu soube que ele estava apaixonado." Pag. 74

Como é narrado em 3ª pessoa, a Música nos poupa de detalhes mundanos e práticos e nos deixa com as partes que realmente importam.
Se prepare, pois há alguns detalhes misteriosos no decorrer da trama, que serão esclarecidos em seu devido tempo.

No funeral é muito mencionado a forma que ele morreu, mas sem revelar o final propriamente dito, está ai outro ponto que nos leva a seguir em frente para descobrir o que realmente aconteceu.

As cordas mágicas, Mitch Albom

Haverá inúmeros relatos de músicos e outras pessoas que passaram pela vida deste talentoso violonista, revelando detalhes de sua trajetória musical, de sua vida particular e sua personalidade. 
Vamos nos deparar com relatos de muita gente famosa, mesmo que tenham o auge de sua notoriedade no meio do século passado, e foi uma grata surpresa o relato de Paul Stanley, guitarrista, vocalista, fundador e líder do grupo Kiss e uma rápida menção a Jon Bon Jovi 💗

Mitch Albom põe em As cordas mágicas muita poesia em forma de narrativa, afinal, é o ponto de vista da Música. Trata-se de uma leitura fluída, fácil de entender, com passagens emocionantes.
O cenário é bem diversificado, vamos estar com Frankie em vários países e em várias cidades americanas.

Fui levada a este livro pela curiosidade e termino a leitura encantada com o rumo que a música deu a Francisco de Asís Pacual Presto, ou simplesmente, Frankie Presto.

Capa gringa, acho a capa brasileira bem mais bonita e criativa, além de ter um toque aveludado (soft touch).

Título: As cordas mágicas
Autor: Mitch Albom
Páginas: 352
Assunto: Ficção americana/romance











Beijos!!

Sense 8 - O que vejo na Netflix


Sense 8 , O que vejo na Netflix


Sensate é uma série em que vamos acompanhar a vida de 8 pessoas ao redor do mundo que, de repente, começam a ter conexão mental e emocional umas com as outras.

Presenciamos no 1º episódio o suicídio de uma mulher, e é a partir dai que os 8 protagonistas irão se conectar.
A mulher que se suicida é nada mais, nada menos que Daryl Hannah, aquela de Splash - Uma sereia em minha vida, filme que fez sucesso nos anos 80.

Mas, voltando à série, este 1º episódio pode soar um pouco confuso, mas não desista, é a partir do 2º episódio que as coisas ficam mais claras até para os personagens que não entendiam o que estava acontecendo com eles, passando a entender e controlar a conexão, eles se desenvolvem a tal ponto que são capazes de se comunicar, sentir, dominar a linguagem e os talentos um do outro.

Com o desenrolar da trama vamos descobrir que há uma organização à caça dos sensates, dando mais dinamismo e emoção à vida destes personagens, que são pessoas comuns.

Sense 8 , O que vejo na Netflix

Os episódios costumam mexer bastante com as nossas emoções, geralmente um personagem terá mais destaque e será contado sua história, suas tristezas, alegrias, sofrimentos, traumas. Há episódios com muita sensibilidade e outros com muita sensualidade, todos eles bem feitos.

Serão retratados 8 pessoas de 7 países diferentes: 2 são dos Estados Unidos, os demais são do México, Inglaterra, Alemanha, Quênia, Índia e Coreia do Sul.

Achei bem interessante essa diversidade de lugares, mostrando países pouco retratados em produções de alcance mundial. 
E diversidade também vamos encontrar no perfil de cada um deles, há o galã que esconde sua homossexualidade, a trans que é lésbica, a virgem, o ladrão, o policial, o favelado e todos eles interagindo e se ajudando mutuamente, sem cobranças, sem preconceitos, um apoiando o outro naquilo que ele precisa.

Uma série que vale a pena assistir. 
A 1ª temporada conta com 12 episódios.
A 2ª temporada tem um especial de Natal com duração de 2 horas e previsão de continuação dos demais episódios para 5 de maio de 2017.

Conselho de mãe: tirem as crianças da sala.


Beijos!!